quarta-feira, 11 de setembro de 2013

Sustentabilidade na cadeia produtiva da moda é tema de debate do Paraty Eco Fashion 2013

Entre os dias 26 e 29 de setembro, acontecerá a terceira edição do Paraty Eco Fashion, evento que abraça a causa da moda sustentável através de palestras, debates, desfiles, mostras e oficinas com profissionais renomados do mercado nacional. 

Durante os quatro dias do evento, vários pontos do Centro Histórico estarão abertos para o que há de mais novo, bonito e atual sobre o tema, em especial nas áreas da moda, do design e do artesanato. 


No dia 28, acontecerá um debate com a participação dos designers Agustina Comas, Claudio Magalhães e Gabriel Del Corso, criadores dos projetos In-Use, Projeto CONTEM e Estudio a Casa Torta. 

No talkshow, vamos discutir como é possível fomentar um mercado com práticas sustentáveis aliados à economia. O trio também levantará questões como os pilares da sustentabilidade fundamentais para a cadeia produtiva da moda.


Formado em Contabilidade, mas verdadeiramente apaixonado por gestão, consultoria de moda e, claro, sustentabilidade, Gabriel se tornou autodidata com o conhecimento adquirido em eventos e do contato com o viés sustentável da moda. A paixão pela causa fez com que Gabriel realizasse o projeto CONTEM e o Estudio a Casa Torta. Além destes, o empresário também já prestou consultoria para marcas internacionais como a inglesa Basso and Brooke, e nacionais, como Doc Dog. 

Comandado por Claúdio Magalhães e Gabriel Del Corso, o Estudio a Casa Torta desenvolve objetos a partir de materiais ecosustentáveis e do reuso de componentes da indústria. Materiais descartados por ONGs parceiras e garimpados pela cidade também são reaproveitados pelo estúdio.  


Já o projeto CONTEM, é uma iniciativa de incentivo ao consumo consciente e divulgação de práticas sustentáveis, por meio do desenvolvimento de produtos e do portal de informação e notícias, que visa ampliar a consciência ecológica da sociedade.

Fundado por Agustina Comas, o projeto In-Use estimula o reaproveitamento de tecidos e sobras da indústria têxtil para a criação de novas peças. A "reciclagem industrial", como diz Agustina, é um universo amplo para que os designers e estilistas possam desenvolver novas ideias de forma ecologicamente correta e, ainda, financeiramente interessante. A proposta já foi colocada em prática pela marca Éden, que lança em outubro sua primeira coleção com o reaproveitamento de tecidos, empregando a engenharia reversa. Para este projeto, a marca também contou com o apoio do Estudio a Casa Torta.

Fique por dentro de toda a programação do evento aqui no link: http://bit.ly/1arNKwOhttp://bit.ly/1arNKwO





Um comentário:

Keila Resende disse...

oie amore td bem?? passando aqui pra te convidar de uma comunidade só para blogueiras! acabei de cria - la o link é: https://www.facebook.com/papodeblogueiras a intenção é reunir o máximo de blogueiras possivel para conversar, trocar ideias...., espero que participe bjs keila resende